Secure Adnxs

Texturização capilar em cabelos em transição: aprenda o passo a passo

por Carolina Glogovchan

Se você abandonou a química para deixar os cabelos cacheados e crespos crescerem com o formato natural dos fios, sabe que a texturização capilar em cabelos em transição é fundamental durante aquela fase em que as madeixas apresentam duas texturas (a alisada e a natural). Nessas horas, além de contar com bons produtos para texturização […]

Texturização capilar em cabelos em transição: aprenda o passo a passo

Se você abandonou a química para deixar os cabelos cacheados e crespos crescerem com o formato natural dos fios, sabe que a texturização capilar em cabelos em transição é fundamental durante aquela fase em que as madeixas apresentam duas texturas (a alisada e a natural). Nessas horas, além de contar com bons produtos para texturização […]

texturizacao capilar 2 630x420 - Texturização capilar em cabelos em transição: aprenda o passo a passo

Se você abandonou a química para deixar os cabelos cacheados e crespos crescerem com o formato natural dos fios, sabe que a texturização capilar em cabelos em transição é fundamental durante aquela fase em que as madeixas apresentam duas texturas (a alisada e a natural).

Nessas horas, além de contar com bons produtos para texturização capilar – como gelatinas, géis e cremes para pentear –, também é indispensável investir em técnicas que auxiliam na formação dos cachos. Por isso, separamos algumas opções incríveis para texturizar o cabelo em transição. Confira abaixo como fazer cada uma delas!

O que é texturização capilar?

texturizacao capilar 3 630x420 - Texturização capilar em cabelos em transição: aprenda o passo a passo

Você sabe o que é texturização capilar? Assunto discutido, muito por conta da adoção de processos que utilizam cada vez menos de química, a texturização capilar chega para trazer ainda mais beleza aos fios – seja ele como for.

Assim, o cabelo texturizado nada mais é do que a opção pela mudança do formato do fio sem precisar passar por uma transformação química, ou seja, estamos falando de processos até que bastante simples, como: o modelador de cachos, a prancha, os bobes, a texturização capilar com canudos e até com os próprios dedos.

Com o objetivo de garantir um cabelo mais definido, a texturização capilar em cabelos em transição capilar é bastante importante, já que ela tem como principal objetivo fazer com que os fios disfarcem as duas texturas que possui nesse período.

Contribuição da texturização no processo de transição capilar

A texturização capilar em cabelos em transição é uma das técnicas mais indicadas, já que, além de simples, não agride a estrutura capilar com químicas. Além disso, vale destacar que o uso das técnicas e dos produtos corretos nessa fase contribui (e muito!) para o próprio reforço da autoestima e bem-estar de quem vive na pele o processo de transição.

Nesse sentido, é importante entender que existem inúmeros processos de texturização capilar, além de diferentes tipos de cabelo. Por isso, cada pessoa vai se adaptar de uma maneira diferente. Isso significa que, nem sempre o que funciona para você, vai funcionar para outra pessoa da mesma forma.

É importante reforçar que existem várias técnicas de texturização, mas o ideal é sempre optar por soluções que não agridam os fios, por exemplo, durante o período de transição é indicado evitar o uso de ferramentas de calor, como prancha e modeladores de cachos.

Assim, considere técnicas como os coquinhos, em que você passa seu creme de pentear favorito, faz vários pequenos coques com as mechas no topo da cabeça e deixa por um tempo e depois solta, por exemplo. Mas não há regra: considere a técnica com a qual você mais se identifica, e bora arrasar na transição!

5 dicas de texturização capilar com passo a passo

Chegou a hora de colocar a mão na massa, ou melhor, no cabelo! Separamos formas diferentes, fáceis e com resultados efetivos para quem procura a texturização capilar ideal para os fios em transição.

Confira o passo a passo de como fazer texturização no cabelo em transição e escolha aquela que melhor se adapta ao seu cabelo e cotidiano!

Dedoliss

Se você busca por uma texturização capilar fácil, uma opção prática é o dedoliss, que também é chamado de “dedinho”, já que utiliza apenas essa parte do corpo para formar as molinhas. Tudo o que você precisa fazer é separar pequenas mechas de cabelo já desembaraçado – e com finalizador – e ir enrolando os fios com a ponta dos dedos.

Veja os passos completos:

– Lave o cabelo utilizando seus produtos para cabelos em transição. Se os fios já estiverem secos, borrife um pouco de água para umedecer;
– Passe seu creme de pentear #todecacho favorito em todo o comprimento dos cabelos, evitando a raiz;
– Divida o cabelo em duas partes, prendendo a de cima e começando pela parte de baixo;
– Em seguida, pegue mechas mais finas e vá enrolando nos dedos até completar todo o cabelo. Se você desejar, considere usar uma gelatina ou geleia para intensificar a formatação dos cachos. Uma dica é a Geleia Capilar #todecacho Vinagre de Maçã;
– Por fim, aperte um pouco as mechas de baixo para cima e aguarde o cabelo secar naturalmente ou utilize um difusor.

Além de o dedo ser um texturizador de cabelo eficiente, a técnica do dedoliss promove uma listinha de benefícios para o cabelo. Confira:

– Dispensa ferramentas de calor como o secador ou modelador, que podem prejudicar os fios;
– Oferece alta definição dos cachos, independente do seu tipo de cabelo;
– É muito fácil de fazer – essa é a melhor parte, né?;
– Reduz o frizz e garante um day after muito mais duradouro quando comparado a outras técnicas de texturização capilar.

Bigudinho

Os bigudinhos são acessórios criados justamente para texturizar os cabelos – caso você nunca tenha escutado falar deles, com certeza a sua mãe ou avó já ouviram!

Para usar não tem complicação: você só precisa separar o cabelo em mechas, passar seu ativador de cachos ou creme de pentear #todecacho favorito, enrolar cada uma das mechas nos bigudinhos e prender as pontinhas perto da raiz com grampos. Por fim, aguarde secar por algumas horas, retire e comece a soltar os cachinhos.

Twist

O chamado “twist” se parece com uma trança, só que são usadas apenas duas mechas ao invés de três. Para formar cachos com essa técnica, basta separar as mechas de cabelo e dividi-las em duas partes.

Torça as duas mechinhas menores em todo o comprimento e, para finalizar, passe um pouco de creme de pentear nas pontas e enrole no dedo. Depois, é só soltar os torcidinhos e aproveitar um cabelão com uma textura incrível!

Texturização com papel alumínio

Pode parecer estranho, mas dá para fazer uma texturização incrível usando papel alumínio! Vamos lá?

– Umedeça o cabelo com água e creme de pentear;
– Separe o cabelo em mechas finas;
– Corte o papel alumínio em pedaços e enrole para ficar como uma minhoquinha;
– Depois, já com finalizador no cabelo, enrole os fios na “minhoquinha” de papel de cima para baixo, prendendo com um grampo ou um elástico na ponta;
– Esse tipo de texturização no cabelo pode ser feito de um dia para o outro ou, se você quiser algo mais rápido, com a ajuda do secador de cabelo;

Após secar, retire o canudo de papel alumínio com cuidado, desenrolando de cima para baixo. Tá pronto!

Bantu knots

E se a gente te contar que existe uma texturização que também rende um lindo penteado? É o caso dos bantu knots – ou coquinhos, se preferir. Para fazer, basta dividir o cabelo em mechas e usá-las para criar pequenos coques no topo da cabeça. Depois, é só prender com elásticos pequenos e, de preferência, invisíveis. A parte mais legal dessa técnica é que dá até para impressionar com dois looks em uma mesma noite. Demais, né?

Um detalhe importante da texturização com bantu knots é que é preciso deixar que o cabelo seque naturalmente, além disso, quando soltar os coquinhos, utilize os dedos para separar os cachos. Muito fácil, né?

Se você acha que acabou, se liga nessa: além das 5 já apresentadas, também existe a texturização capilar com meia, que é outra técnica super prática. Que tal tirar aquela meia da gaveta e deixar o seu cabelo incrível?

Texturização com meia

São apenas 4 passos: separar a meia, passar o creme para pentear, envolver as mechas na meia e secar com o secador ou deixar que isso aconteça naturalmente. Para mais detalhes, leia também as dicas exclusivas para ter uma finalização incrível com meias!

Agora você já sabe como fazer texturização no cabelo em transição, certo? Mas lembre-se de levar em consideração a escolha de produtos de alta qualidade, já que isso também contribui para o efeito da texturização.

Quanto tempo dura a texturização capilar?

texturizacao capilar 533x800 - Texturização capilar em cabelos em transição: aprenda o passo a passo

Não existe um tempo exato para a duração da texturização capilar. Tudo depende de alguns fatores, como a saúde dos fios e a forma como a própria finalização foi feita. Mas, usando os produtos indicados para seu tipo de cabelo: cacheados (3ABC) e crespos (4ABC), os resultados serão mais eficazes e duradouros.

Uma boa texturização capilar dura em torno de até 5 dias, mas depende muito do seu day after e de todos os cuidados que você vai ter com o seu cabelo, como priorizar fronha de cetim, touca de cetim ou coque abacaxi para dormir.

Outro bom ponto a se pensar é na busca incessante pelo “cacho perfeito” – eles não existem e podem gerar frustração. Então, nosso conselho aqui é aprender a amar o formato dos cachinhos nesse período, apostar em texturizações (mas sem neura), criar penteados e investir em belos acessórios como maxi brincos e presilhas para valorizar ainda mais esse período de adaptação.

E aí, gostou das dicas? Agora que você já sabe como fazer texturização capilar em cabelos em transição, aproveite e confira também 10 inspirações modernas de cortes para cabelos em transição!

3.7/5 - (3 votes)