Secure Adnxs

Aprenda como fazer umectação no cabelo com esse passo a passo!

por Carolina Glogovchan

Você já deve ter feito aquela hidratação capilar e logo depois não fez muita diferença. Isso acontece porque quando o fio está muito ressecado, apenas a hidratação pode não ser o suficiente. É aí que entra em cena a umectação capilar: uma técnica feita com óleos vegetais que nutre, hidrata e fortalece os fios que […]

Aprenda como fazer umectação no cabelo com esse passo a passo!

Você já deve ter feito aquela hidratação capilar e logo depois não fez muita diferença. Isso acontece porque quando o fio está muito ressecado, apenas a hidratação pode não ser o suficiente. É aí que entra em cena a umectação capilar: uma técnica feita com óleos vegetais que nutre, hidrata e fortalece os fios que […]

Cabelos CacheadosCabelos CresposCabelos em transição

Você já deve ter feito aquela hidratação capilar e logo depois não fez muita diferença. Isso acontece porque quando o fio está muito ressecado, apenas a hidratação pode não ser o suficiente.

É aí que entra em cena a umectação capilar: uma técnica feita com óleos vegetais que nutre, hidrata e fortalece os fios que estão danificados. Se você ainda não conhece esse tratamento, é hora de ficar por dentro dos benefícios e aprender tudo sobre essa maravilha. Então, bora lá?

O que é umectação capilar?

Todo cabelo, independente da curvatura, produz oleosidade – é natural e ela é a responsável pela nutrição dos fios. Porém, em cabelos crespos e cacheados, a oleosidade não consegue descer ao longo dos fios por conta do seu formato em espiral, causando desidratação e ressecamento.

Por isso, a umectação capilar é uma aliada tão importante! Esse tratamento é realizado à base de óleos para umectação e tem como objetivo nutrir os fios e repor a oleosidade necessária para recuperar as fibras capilares danificadas pelos fatores externos.

A umectação do cabelo pode ser feita no banho, utilizando uma máscara de umectação a base de óleo. Também pode ser realizada em um processo rápido de 30 minutos utilizando óleo vegetal, ou ainda durante a noite, em que o óleo aplicado age nos fios enquanto você dorme – essa técnica é a chamada umectação noturna.

Vale destacar, ainda, que a umectação faz parte da etapa da nutrição e pode ser feita em todos os tipos de cabelo, principalmente os cacheados, crespos, crespíssimos e em transição já que naturalmente são mais ressecados.

Para que serve a umectação?

Cabelos com baixa nutrição costumam apresentar ressecamento, pontas duplas e frizz, em casos assim, a umectação será fundamental para deixá-los com aspecto mais homogêneo, controlando o frizz do cabelo e reduzindo o volume. O tratamento pode ser feito somente com óleo, como o de rícino e o óleo de argan. 

Ao entrar em contato com os fios, esses óleos criam uma película ao redor da fibra capilar, promovendo aspecto uniforme que se traduz em suavidade, facilidade de pentear e luminosidade. 

Dessa forma, o ressecamento é combatido de maneira mais eficaz e diminui até mesmo o aparecimento de frizz. Além disso, a umectação deixa o cabelo menos propenso à quebra também.

Como fazer umectação no cabelo cacheado e crespo?

Fazer umectação capilar é um processo bastante simples: basta separar o cabelo em mechas e aplicar o óleo de forma abundante, enluvando cada uma delas da raiz às pontas. 

Vale lembrar que a umectação noturna é ainda mais potente e dá ótimos resultados! Para isso é só utilizar uma touca de cetim – o tecido, por ser liso e bem delicado, evita o atrito com os fios. Além disso, por não ter propriedade absorvente este tecido não puxa tanto óleo, mantendo o produto no cabelo. 

Importante ressaltar: evite touca térmica nesse processo!

Veja o guia detalhado para realizar uma umectação completa:

  • Utilize um pente para dividir os fios;
  • Distribua o óleo ao longo de todo o comprimento do cabelo;
  • Deixe o produto agir por cerca de 30 minutos;
  • Na hora de retirar o produto, basta utilizar seu shampoo e condicionador #todecacho favorito: espalhe o shampoo na raiz em movimentos circulares e puxe a espuma para o comprimento dos fios.
  • Finalize como quiser.

Como fazer umectação no cabelo com óleo de coco

Para fazer umectação capilar com óleo de coco, comece lavando o cabelo com um shampoo suave e deixe-o úmido. Aqueça o óleo de coco próprio para cabelo e aplique-o ao longo dos fios, massageando o couro cabeludo. Deixe o óleo agir por pelo menos 30 minutos ou durante a noite para um tratamento mais intenso, depois lave o cabelo com shampoo suave, enxaguando bem.

Como fazer umectação no cabelo com óleo de rícino

Este é um dos óleos mais conhecidos para a umectação capilar. O óleo de rícino é conhecido por nutrir e fortalecer os cabelos, promovendo um crescimento mais saudável e resistente. Sua composição inclui vitamina E, ômega 6 e 9, e possui propriedades antioxidantes;

Como fazer umectação noturna?

Para fazer uma umectação noturna, siga esses passos simples:

1. Escolha do óleo: comece escolhendo um óleo vegetal, pode ser o de rícino ou coco.

2. Aplique nos fios: com o cabelo seco ou levemente úmido, divida-o em mechas para facilitar. Aplique o óleo, massageando suavemente o couro cabeludo e focando nas pontas e nas partes mais ressecadas. 

3. Proteja na hora de dormir: para evitar que o óleo suja o travesseiro, coloque uma touca de banho ou use uma toalha velha sobre o travesseiro. 

4. Tempo de descanso: deixe o óleo agir enquanto você dorme. Durante a noite, ele vai penetrar profundamente nos fios, proporcionando uma hidratação intensa.

5. No dia seguinte: ao acordar, lave seus cabelos com um shampoo suave para retirar o óleo. Talvez seja necessário lavar duas vezes para garantir que o produto saia por completo. Depois, enxágue bem e, se sentir necessidade, use um condicionador nas pontas para um toque final.

6. Finalizando: Deixe seus cabelos secarem naturalmente ou use um secador com temperatura baixa. 

Como tirar a umectação do cabelo: Método UCPE

O método UCPE é usado para retirar completamente o ingrediente do cabelo após a umectação. A sigla significa “umectar, condicionar, pausar e enxaguar”. Veja como funciona:

  • U = umectar! Aplique um óleo vegetal puro nos cabelos secos e, em seguida, deixe agir por cerca de duas horinhas ou durante a noite (na umectação noturna);
  • C = condicionar! É o grande diferencial dessa técnica para não deixar as madeixas ressecadas ou pesadas. Para retirar o óleo, divida o cabelo em seções e aplique o condicionador em cada mecha, sem economizar;
  • P = pausar! É a pausa que o condicionador precisa para atuar de forma correta e atingir o resultado esperado. Normalmente, o tempo é de 20 a 30 minutinhos;
  • E = enxaguar! O último passo para a finalização de todo o processo. Enxágue o cabelo com bastante água, passando os dedos entre os fios para garantir que não fique nenhum resíduo. Mas atenção: se achar que a quantidade de condicionador que você usou anteriormente não foi suficiente para eliminar toda a umectação, aplique um pouco mais de produto e lave os cabelos novamente.

É possível utilizar um pouco de shampoo na hora de enxaguar e retirar todo óleo. Mas é importante lembrar que a quantidade de óleo que será aplicado irá determinar o trabalho que você terá nessa etapa.

Qual é o melhor óleo para fazer a umectação capilar? 

Agora que você já está familiarizado com a umectação capilar, seus benefícios e o processo de realização desse tratamento, é hora de escolher o óleo vegetal adequado para o seu cabelo. 

Existem vários óleos que podem ser utilizados na umectação, e a sugestão é experimentar para compreender como cada um age no seu tipo de cabelo. Para auxiliá-lo nessa escolha, destacamos os principais tipos e os benefícios associados ao seu uso:

  • Óleo de rícino: este é um dos óleos mais conhecidos para a umectação capilar. O óleo de rícino é conhecido por nutrir e fortalecer os cabelos, promovendo um crescimento mais saudável e resistente. Sua composição inclui vitamina E, ômega 6 e 9, e possui propriedades antioxidantes;
  • Óleo de oliva: essa opção proporciona brilho, maciez e nutrição aos fios. O azeite de oliva é rico em vitamina E, ômega 6 e 9;
  • Óleo de argan: um dos favoritos quando se trata de cuidados capilares, o óleo de argan pode ser utilizado como óleo finalizador, auxiliando na redução do frizz. É um óleo mais fluido e fácil de aplicar, sendo rico em vitaminas A, B1, B2, D e E, além de possuir propriedades antioxidantes;
  • Óleo de alecrim: com ação antioxidante e anti-inflamatória, o óleo de alecrim é recomendado para nutrir, fortalecer os fios e controlar a oleosidade do cabelo;
  • Óleo de abacate: essa opção é indicada para nutrir, hidratar e fortalecer os fios. O óleo de abacate é rico em vitaminas A, C e E, proteínas, ácido fólico e potássio, sendo benéfico para cabelos ressecados e fragilizados.

Perguntas e respostas sobre Umectação Capilar:

Quantas vezes fazer umectação capilar?

O primeiro passo, antes de iniciar qualquer tratamento capilar é identificar o seu tipo de cabelo, 3ABC ou 4ABC, e, ainda, suas características: com ressecamento; com frizz; curto ou longo; com volume e outros.
Com esses fatores identificados, fica mais simples recuperar e manter os fios saudáveis. A periodicidade da umectação, por exemplo, está diretamente ligada a esses fatores. Indica-se fazer a umectação a cada dez dias, mas quem apresenta um cabelo mais ressecado pode fazer uma vez por semana para manter as madeixas bem nutridas.
Lembrando que apenas uma aplicação pode não fazer muita diferença. Portanto, repita o tratamento mais vezes e em períodos mais curtos até obter um bom resultado. Quando os fios apresentarem melhora, aumente o intervalo até chegar em um período confortável em que seu cabelo esteja nutrido e hidratado sem ficar oleoso.

Pode fazer umectação com o cabelo sujo?

Com certeza! Inclusive, se o cabelo estiver sujo e seco, não tem problema, você pode prosseguir com o tratamento. Algumas pessoas acreditam que é necessário lavar o cabelo para abrir as cutículas da fibra capilar e facilitar a absorção do óleo durante a umectação. 
No entanto, o cabelo que demanda umectação já está poroso, o que significa que as cutículas estão naturalmente abertas. Portanto, a umectação capilar pode ser realizada tanto em cabelos sujos quanto limpos.

Quantos minutos posso deixar a umectação no cabelo?

Amarre os cabelos e permita que o tratamento atue por pelo menos 30 minutos. Se estiverem excessivamente ressecados e você não tiver compromissos, é possível prolongar esse período. Duas horas é o tempo ideal para o óleo penetrar completamente.

Depois da umectação posso fazer hidratação?

Sim, você pode realizar uma hidratação após a umectação. A umectação feita com óleos naturais antes da lavagem, nutre os cabelos, enquanto a hidratação pós-lavagem complementa o processo, fornecendo umidade adicional e nutrientes aos fios. Juntos, esses passos ajudam a manter os cabelos saudáveis, macios e brilhantes, sendo importante escolher produtos adequados ao seu tipo de cabelo e seguir as instruções de uso para melhores resultados.


Gostou das dicas? Então, leia também: 4 produtos para turbinar a sua umectação capilar, e arrase com seus cachos e crespos super nutridos!

4.3/5 - (48 votes)

Quem leu gostou dessas:

Consentimento de Cookies com Real Cookie Banner
S.O.S Bomba Ultra-Hidratação: o kit para cabelos cacheados profissional que você precisa! Trança box braid loira? Sim! Fique por dentro desse estilo Como usar a Gelatina Capilar Salon Line? Penteado fácil para o Dia dos Namorados Penteados para o estilo baddie
Pular para o conteúdo