Secure Adnxs

Sabe de Tudo - O Blog da #ToDeCacho

Você conhece o cabelo crespo tipo 5? Saiba tudo sobre essa curvatura

Cabelo crespo tipo 5 630x501 - Você conhece o cabelo crespo tipo 5? Saiba tudo sobre essa curvatura

Desenvolvida para categorizar os diferentes tipos de cabelo, a tabela de curvatura é um ótimo guia para direcionar os cuidados com as madeixas. Pensando nos cabelos das brasileiras, essa tabela classifica os fios em categorias que vão do tipo 1 (que representa o cabelo liso) ao tipo 4 (que representa o crespo). Há, porém, uma categoria que fica de fora: é o cabelo crespo tipo 5.

Essa curvatura é considerada bastante rara no Brasil, já que apenas 2% das mulheres têm o fio tipo 5. Além disso, não é raro que ela seja confundida com a curvatura 4c, que é considerada a mais crespa da tabela. As diferenças entre as duas, porém, podem impactar diretamente na rotina de cuidados com os fios. Confira abaixo quais são as principais características e como cuidar do crespo tipo 5.

Como é o cabelo crespo tipo 5?

A principal característica do cabelo tipo 5 – e também a que o difere do cabelo 4c – é a falta de definição. Com uma ondulação ainda mais curta e espaçada, o aspecto de “molinhas” é quase imperceptível e, em muitos casos, pode ser difícil vê-las mesmo após o uso de produtos específicos para auxiliar na definição dos cachos ou após técnicas de texturização usando bigudinho, por exemplo.

Além disso, o crespo tipo 5 – que também pode ser chamado de “cabelo crespíssimo” – é bastante volumoso, fino, opaco e naturalmente ressecado justamente porque há uma maior dificuldade para que haja a distribuição da oleosidade da raiz para o comprimento dos fios. A curvatura também tende a quebrar com mais facilidade, especialmente se for penteada enquanto estiver seca.

Quais são os principais cuidados com o cabelo crespíssimo?

Por ser um cabelo muito mais ressecado do que outros tipos de cabelo crespo, a frequência de lavagem do fio tipo 5 não precisa ser diária: duas ou três vezes por semana já é o suficiente. Também vale ressaltar que o shampoo deve ser aplicado apenas na raiz do cabelo, por isso, evite que o produto escorra pelo comprimento, pois isso pode contribuir ainda mais para o ressecamento.

Apesar da baixa frequência, é fundamental aproveitar a hora do banho para realizar todos os cuidados de penteio e desembaraço. Para evitar a quebra, após a lavagem, aplique um condicionador ou uma máscara de hidratação nos fios (isso vai deixá-los com as cutículas fechadas e mais maleáveis) e desembarace seu cabelo apenas quando ele estiver bem molhado.

O ideal, ainda, é usar apenas os dedos para pentear, evitando pentes ou escovas. Se quiser mais definição, não tenha medo de abusar dos finalizadores como cremes para pentear, gelatinas e definidores de cacho e invista em técnicas de texturização, como plopping e bigudinho. Não esqueça também de fazer o uso frequente de produtos com proteção UV, pois eles ajudam a diminuir a quebra.

Por fim, abuse dos tratamentos de nutrição. Tudo que o fio tipo 5 mais precisa é de reposição de óleos, por isso, pelo menos uma vez por semana, aplique uma máscara de nutrição dos fios. Uma alternativa super eficiente é a umectação noturna, que pode ser feita com o Óleo de Umectação #todecacho Coco Puríssimo enquanto você dorme. Não deixe também de montar o seu próprio cronograma capilar.

Lembre-se que fios danificados são ainda mais difíceis de definir e, por isso, os tratamentos são ainda mais importantes para quem tem o cabelo crespo tipo 5. Se fizer seu estilo, aposte em penteados para realçar a beleza do seu cabelo – o coque abacaxi é um dos preferidos das cacheadas e crespas e fica incrível no fio tipo 5!

Posts Recentes: