Secure Adnxs

Foliculite no couro cabeludo, como tratar? Entenda tudo aqui!

por Salon Line

Problemas no couro cabeludo são mais comuns do que parecem, e um dos que costuma causar certo incômodo na vida crespas e cacheadas é a foliculite no couro cabeludo. Mas calma, é possível reverter essa situação adotando alguns hábitos e dicas. Assim, você vai passar pelo problema de forma natural e prática.  O que é […]

Foliculite no couro cabeludo, como tratar? Entenda tudo aqui!

Problemas no couro cabeludo são mais comuns do que parecem, e um dos que costuma causar certo incômodo na vida crespas e cacheadas é a foliculite no couro cabeludo. Mas calma, é possível reverter essa situação adotando alguns hábitos e dicas. Assim, você vai passar pelo problema de forma natural e prática.  O que é […]

Problemas no couro cabeludo são mais comuns do que parecem, e um dos que costuma causar certo incômodo na vida crespas e cacheadas é a foliculite no couro cabeludo. Mas calma, é possível reverter essa situação adotando alguns hábitos e dicas. Assim, você vai passar pelo problema de forma natural e prática. 

O que é foliculite no couro cabeludo?

shutterstock 2198668357 630x420 - Foliculite no couro cabeludo, como tratar? Entenda tudo aqui!

A foliculite no couro cabeludo é uma inflamação dos folículos capilares. Imagine esses folículos como pequenos bolsões onde os cabelos nascem. Quando eles ficam irritados e inflamados, surgem bolinhas vermelhas, ou até mesmo bolinhas com pus. Isso pode causar coceira, desconforto e, é claro, preocupação.

Ela pode ter várias causas, sendo o pelo encravado o mais comum. Quando um fio de cabelo não consegue sair direito do folículo, ele se enrosca e causa irritação. Além disso, bactérias e fungos também podem aparecer, piorando ainda mais o quadro. Tem mais: até produtos capilares pesados ou o hábito de ficar mexendo muito no cabelo podem agravar o aparecimento da foliculite.

Identificando a foliculite no couro cabeludo

Saber se você está enfrentando foliculite no couro cabeludo é importante. As bolinhas vermelhas ou com pus são sinais claros, e elas podem vir acompanhadas de coceira e sensibilidade. Em casos mais sérios, a dor também pode ser um sintoma, causando ainda mais incômodo.

Lidando com a foliculite no couro cabeludo

shutterstock 1559872667 1 630x420 - Foliculite no couro cabeludo, como tratar? Entenda tudo aqui!

A gente sabe que a vontade de coçar é grande, mas evite ao máximo! Isso porque a sujeira presente nas unhas pode piorar ainda mais o quadro. Escolher shampoos suaves e evitar produtos mais densos é uma ótima forma de controlar o problema. Se a situação não melhorar, não deixe de procurar um médico dermatologista. Eles vão saber identificar melhor o quadro e indicar o melhor tratamento – que muitas vezes incluem produtos manipulados e feitos especialmente para você. 

A foliculite no couro cabeludo tem cura?

Sim, a foliculite capilar tem cura! Tudo depende de um diagnóstico preciso e tratamento adequado. Se adotar uma rotina capilar com produtos mais leves, com menos óleos e manteigas, não funcionar, procure um dermatologista. Um profissional de saúde capilar é capaz de avaliar a situação, identificar o tipo de foliculite que você está enfrentando e recomendar o tratamento mais adequado.

Isso porque cada tipo de foliculite pode exigir abordagens diferentes. Alguns casos podem ser tratados com shampoos específicos que ajudam a controlar a inflamação e a eliminar bactérias ou fungos. Em outros casos, o uso de antibióticos orais ou tópicos pode ser necessário para combater a infecção.

Dicas para prevenir a foliculite no couro cabeludo: 

shutterstock 1954210117 630x420 - Foliculite no couro cabeludo, como tratar? Entenda tudo aqui!

1. Escolha um shampoo adequado
O primeiro passo é escolher um shampoo suave e com pH adequado para o seu tipo de cabelo. Evite shampoos muito agressivos ou altamente hidratantes, que podem irritar o couro cabeludo e causar inflamações.

2. Evite compartilhar itens pessoais
É tentador emprestar um pente ou uma escova, mas evite compartilhar itens pessoais de cuidados capilares. Isso reduz o risco de contaminação por bactérias ou fungos.

3. Mantenha a higiene da região
Lave o cabelo regularmente, especialmente após atividades que causam suor. Manter o couro cabeludo limpo ajuda a prevenir o acúmulo de impurezas que podem desencadear a foliculite.

4. Cuidado ao prender o cabelo
Se você adora prender o cabelo, lembre-se de não apertar muito. O atrito constante do elástico pode irritar o couro cabeludo e favorecer o surgimento da foliculite.

5. Evite coçar e manipular a foliculite
Resista à tentação de coçar ou manipular as bolinhas ou áreas irritadas. Isso pode piorar a inflamação e aumentar o risco de infecção.

6. Use produtos capilares leves
Opte por produtos capilares leves e que não obstruam os folículos capilares. Evite os produtos oleosos, que podem contribuir para a foliculite.

7. Cuide da sua saúde geral
Uma dieta equilibrada, boa hidratação e redução do estresse podem contribuir para a saúde do seu couro cabeludo e, por consequência, prevenir a foliculite.

Com as informações certas e cuidados adequados, você pode enfrentar esse problema, mantendo a saúde dos fios e do couro cabeludo.

Rate this post

Quem leu gostou dessas:

Dicas e inspirações de como fazer a trança nagô Como fazer o cabelo crespo crescer: dicas para sua rotina de cuidados Matizador Salon Line: qual devo usar para o meu tipo de cabelo? Moreno iluminado em cabelo ondulado: tudo sobre a técnica que vai iluminar os fios Creme de uva: sua finalização com cheirinho de fruta
Pular para o conteúdo